Qual a diferença entre corpo, alma e espirito?

Abril 15, 2018 jotamdacunha 0 Comments

Muito se fala e se confunde alma e espírito e se confunde também a qual pertence o quê.

A perspectiva do movimento Luz Interior®️ (escola Rosa de Luz®️) é a de que, à semelhança de outras correntes de pensamento filosofico-esoterico-espiritual, o ser humano é constituído por diferentes corpos, sendo o seu corpo físico o mais grosseiro e também o único perceptível pelos sentidos físicos (pouco provável será percepcionar toda a realidade através dos sentidos do corpo). Outros corpos que nos constituem são o astral, onde produzimos e vivemos a componente emocional e onde estão também projectadas as imagens vivenciais do mundo, e o mental, onde produzimos e experienciamos os nossos pensamentos, imagens e construções mentais. Estes últimos dois, na mesma linha da existência de um corpo espiritual (que pode ser visto como o conjunto de todos os restantes corpos), são subtis e, por isso, não perceptíveis pelos sentidos.

A alma pode ser vista como a energia que anima esses corpos. Eu chamo-lhe consciência. A alma é a consciência que habita e faz funcionar esses corpos (que sem ela jazeriam inanimados e inertes). Esta consciência existe em três planos diferentes: no plano inconsciente (onde estão registadas as crenças), no plano subconsciente (onde se manifestam as crenças, em forma de imagens mentais e onde actuam os processos mentais e emocionais. Aqui também é onde é possível criar novas imagens mentais que poderão levar ao registo de novas crenças ou à alteração das crenças já existentes). Por ultimo, no plano consciente, onde experienciamos essas imagens mentais e emocionais, ou seja, o mundo “real”, físico, perceptível, vivencial. Corresponde àquilo a que chamamos de “realidade” ou “vida”. Este último plano é, para a esmagadora maioria dos seres humanos, o único perceptível e, por essa razão, o único em que acreditam. A Alma é a consciência que existe nestes três planos; a percepção mental consciente (entenda-se a vivência no mundo “real”) corresponde apenas ao ego da Alma e é apenas a esse que temos acesso directo no estado de vigília (como já referi).

O espírito, por sua vez, é a essência, a origem, a unidade fundamental da existência que projecta uma parte de si (a alma) para a dimensão física. O espírito projecta uma parte de si para se experimentar no mundo “real”. Do pouco que conhecemos, afirmamos e aceitamos que é possível ao mesmo espírito poder projectar-se em almas diferentes, que é o mesmo que dizer, em consciências diferentes em diferentes momentos do Tempo. Afirmamos ainda que, do ponto de existência do espírito não existe tempo, pelo que a projeção em diferentes almas em diferentes momentos do tempo é apenas uma ilusão, fruto da nossa consciência presa e limitada a um corpo físico.

A meditação ou o uso de quaisquer outras técnicas de expansão da consciência permitem ao praticante / aprendiz a percepção não só dos diferentes níveis de expressão da consciência como a capacidade de mudança/alteração das crenças que limitam a acção/existência no mundo.

Isto e muito mais é apresentado, ensinado, aprendido, discutido e experienciado no curso de Consciência da Luz Interior e Cura (CLIC) que ensinamos na nossa escola. Convido-te a visitar o nosso site e, se o tema te interessa, a frequentar o nosso curso de desenvolvimento espiritual.

Leave a Reply:

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *